Newsletter

Imprimire-mail

Descrição do museu

Núcleo Museológico IVBAM

O Núcleo Museológico do IVBAM é um espaço dedicado à história e cultura do Bordado Madeira. A influência desta indústria artesanal assume uma importância decisiva na economia, cultura e vida social da ilha desde a segunda metade do séc. XIX e nas primeiras décadas do séc. XX.

Este espaço museológico presta uma homenagem a uma arte secular, oferecendo ao visitante uma mostra de peças, verdadeiras relíquias, que foram sendo produzidas ao longo de cerca de 150 anos, atestando o requinte, luxo e perfeição que desde sempre foram denominadores comuns desta arte, que pelos seus atributos se foi transformando em marca, reconhecida internacionalmente.

Este Núcleo reúne um acervo constituído por peças de Bordado Madeira produzidas, entre a década de 60 do séc. XIX, até aos anos 30 do século XX reproduzindo o denominado período romântico. Ao longo destas décadas foram dadas diversas utilizações ao Bordado Madeira, desde vestuário, roupa interior e trajes, até roupa de cama, toalhas de mesa, acessórios de banho e outros que adornavam minuciosamente quartos, salas e casas de banho. Estas peças estão enquadradas em ambientes que foram recriados à imagem daquela época.

No principal salão está exposta uma colecção de Bordado Madeira que reflecte a Madeira Romântica, encenada em ambientes que reproduzem costumes sociais, complementados, com tapeçarias regionais e com peças de mobiliário de estilo predominantemente inglês e peças decorativas orientais dos séc. XVIII e XIX. Nesta sala pode ainda ser admirada uma pequena encenação do traje da época com peças de vestuário representativas do que trajavam as senhoras à data.

Numa segunda sala podem apreciar-se peças que se integravam nas zonas mais íntimas da casa - banho e quarto de dormir - onde o Bordado Madeira era profusamente utilizado.

O Núcleo oferece ainda uma mostra das fases de todo o processo produtivo que está exposta numa terceira sala, onde também pode ser apreciado, através de fotografias do início do século, o aspecto laboral das fábricas. Estão também expostos nesta sala instrumentos que foram sendo utilizados, ao longo dos tempos, na execução do Bordado Madeira.

Esta sala também dedica um espaço ao conjunto de peças de Bordado Madeira desenhados por Lurdes de Castro, uma grande artista plástica contemporânea e madeirense. Outras peças emblemáticas foram também expostas nesta área, nomeadamente uma peça que foi criada para ser exposta na Expo 98, exposição universal que decorreu em Lisboa, e onde esteve patente este trabalho artístico que representa os descobrimentos portugueses